in

Idosa falece, para de pagar aluguel, mas só é encontrada 3 anos depois: ‘sentimos muito’

A idosa de 61 anos faleceu em agosto de 2019, mas só foi encontrada no início deste ano.

Google Street View

A solidão na velhice é algo que preocupa muitas pessoas. Pois, o fato de uma pessoa idosa estar sozinha pode acarretar uma série de limitações, porque nessa fase da vida, as pessoas tendem a ficar mais debilitadas e precisam de ajuda para a realização de diversas tarefas que antes eram feitas rapidamente. Uma idosa que morava sozinha acabou falecendo em casa e só foi encontrada três anos depois, em Londres.

Publicidade

Ela faleceu em 2019

Sheila Seleoane era secretária médica e morreu sozinha em casa, aos 61 anos. Tudo não passaria de um falecimento comum se o corpo da mulher não tivesse sido encontrado pela polícia apenas 3 anos depois de sua morte.

Publicidade

Segundo informações, a mulher teria falecido em agosto de 2019, mas ninguém havia sentido sua falta. Ela já não estava trabalhando fora e mesmo deixando de pagar o aluguel do apartamento onde morava, nenhuma autoridade havia entrado em seu apartamento para verificar sua situação.

Publicidade

Gosta de música? Ouça clássicos das décadas de 70, 80 e 90 agora mesmo | CLIQUE AQUI

Publicidade

Autoridades só encontraram o corpo 3 anos depois

Publicidade

Alguns moradores chegaram a reclamar com os responsáveis pelo prédio sobre o mau cheiro que emanava do apartamento da idosa, mas os gestores do edifício apenas mandaram cartas questionando a mulher, que não enviava nenhuma resposta.  “Sentimos muito por nossa parte nisso e pedimos desculpas a Sheila, sua família e a todos que vivem em Lord’s Court. Ao agir neste caso, não fizemos a pergunta mais fundamental: Sheila está bem?”, disse um dos responsáveis pelo prédio.

Em outubro de 2020, os responsáveis pelo prédio pediram para a polícia verificar a situação da mulher, mas segundo os registros policiais a mulher foi visitada e estava bem. Mas depois foi descoberto que a visita não havia acontecido.

Nenhum familiar ou amigo de Sheila deu falta da mulher em todo esse tempo. A polícia só descobriu seu corpo depois que uma porta ficou danificada e as autoridades foram ao local. Ao não ter nenhuma resposta de Sheila, arrombaram a porta e descobriram a mulher ali, em fevereiro de 2022.

Publicidade

Escrito por Tati Jesus

Estudante, escritora e apaixonada pela verdade, tenho como meta levar a notícia de forma clara e real. Amo ler e percebo a cada dia que um mundo melhor se faz quando o conhecimento que adquirimos é colocado em prática.