in

Professora vira influencer para aumentar a renda, mas é demitida após saberem que o conteúdo é ‘adulto’

O caso tem dividido opinião na internet. A professora não concorda com a postura da escola e detonou quem divulgou a informação.

Extra

A vida de professor não é fácil, são muitas demandas e nem sempre o salário dá para viver confortavelmente. Foi isso que fez uma professora buscar outras formas de ganhar dinheiro e se tornar influencer nas redes sociais.

Publicidade

Sarah Seales é professora de uma escola de South End, em Indiana, nos Estados Unidos. Ela trabalhava com seus alunos há bastante tempo, mas recentemente recebeu uma notícia infeliz: foi demitida.

A empresa responsável pela contratação de Sarah descobriu que ela era produtora de conteúdo online, só que o motivo da demissão foi o fato desse conteúdo ser adulto, ou seja, alguns conteúdos eróticos para o Only Fans.

Publicidade

Mas como a empresa ficou sabendo? Segundo Sarah, conhecida como Sarah Juree entre seus seguidores, um jornal de Indiana publicou que ela complementava a renda com conteúdo adulto e isso acabou expondo ela à vários problemas, entre eles profissionais.

Publicidade

Gosta de música? Ouça clássicos das décadas de 70, 80 e 90 agora mesmo | CLIQUE AQUI

Publicidade

O contrato da professora foi rescindido no dia 27 de junho dizendo que as atividades extra de Sarah colocavam em risco a reputação da instituição. “Essas fotos representam um risco real e imediato de danos à reputação ou negócios da STARBASE Indiana, Inc., incluindo a perda de escolas, doadores, parceiros comunitários e nosso contrato para operar com a Guarda Nacional do Estado“, afirmou a empresa em nota.

Publicidade

Bastante chocada e indignada, ela disse que o repórter que fez a matéria sobre seu perfil no Only Fans queria prejudicar sua vida e ela criticou o jornal por ter permitido que ele fizesse isso. Agora, sem o emprego, Sarah corre para tentar impulsionar ainda mais as assinaturas no seu perfil e tentar dar a volta por cima.

Publicidade

Escrito por Gabriele

.