in

Idoso é picado por cobra, corta o próprio dedo para conter o veneno, mas se assusta com descoberta infeliz

O homem de 60 anos agiu rápido para tentar conter o veneno; esses casos não são incomuns.

Fotomontagem: SBT/Diario do Nordeste

Um homem assustou seus familiares ao tomar uma providência impulsiva após ser picado por uma cobra. Zhang, um idoso de 60 anos, foi atacado pelo animal e na intenção de conter o veneno, para que ele não se espalhasse, cortou o próprio dedo sem pensar muito.

Publicidade

A situação ocorreu na China, próximo à cidade de Hangzhou. Toda a situação já seria traumatizante o suficiente para o idoso, mas ocorre que ele teve uma surpresa infeliz ao chegar no hospital.

Zhang percorreu uma distância de quase 100km para ir até o hospita da cidade de Hangzhou. Ao chegar no hospital sem o dedo, que havia cortado logo após ser picado pela cobra, o idoso foi atendido e recebeu um diagnóstico diferente do que esperava.

Publicidade

O homem havia arrancado seu próprio dedo sem necessidade. O veneno da cobra que picou Zhang não era tóxico. 

Publicidade

Gosta de música? Ouça clássicos das décadas de 70, 80 e 90 agora mesmo | CLIQUE AQUI

Publicidade

De acordo com os médicos, o idoso imaginava ter sido atacado por uma cobra conhecida como “cobra dos cinco passos”. Esse apelido é dado porque ao picar um humano, ele não consegue andar nem 5 passos antes de falecer por causa do veneno. Só que a cobra que picou Zhang é a Deinagkistrodon e não tem veneno letal.

Publicidade

Os médicos observaram que ao chegar no hospital, o idoso não estava com nenhum sintoma de picadas de cobras venenosas. Não havia sangramentos na gengiva, dificuldade de respiração e nem dores de cabeça. O único machucado grave do idoso era a falta do dedo, cortado por ele.

Para piorar a situação, o dedo não pode ser implantado novamente. No susto, o Zhang saiu de casa e depois o dedo no local, se ele tivesse levado, os médicos disseram que podiam reimplantá-lo com sucesso.

Publicidade

Escrito por Gabriele

.