in

‘Infecção urinária é, sim, coisa séria’; diz mulher que quase perdeu a vida para doença

Ela ficou internada na UTI por uma semana, foi colocada em coma induzido e teve que fazer hemodiálise.

Reprodução: G1

Uma médica fez uma postagem na rede social que gerou polêmica e indignação na internet. “Tem que ser muito filha de uma p* para vir 1 da manhã no pronto socorro por conta de uma infecção urinária viu (sic). Não tem outra expressão para descrever”, escreveu a médica em seu perfil no Twitter. O comentário, identificado como sendo de Rondônia, viralizou.

Publicidade

Para Luciane Almeida, de 35 anos, a postagem acabou trazendo recordações dolorosas que a carioca fez questão de compartilhar na web. Ela contou que no ano de 2009, foi parar na UTI por uma semana devido a uma infecção urinária. Inclusive, teve que ficar em coma induzido, precisando de hemodiálise porque os rins pararam de funcionar.

Mais de 10 anos depois, a carioca está muito bem de saúde, porém, não esquece do episódio que por muito pouco não tirou sua vida. Na ocasião, uma assistente social do hospital chegou a questionar aos familiares se eles estavam preparados financeiramente para arcar com os preparativos para o funeral.

Publicidade

Além de Luciane, outros internautas falaram sobre episódios parecidos de infecções de urina não tratadas que acabaram se tornando problemas graves de saúde. “Sou o exemplo vivo de que uma infecção urinária é, sim, coisa séria”, desabafou a mulher que quase perdeu a vida para a infecção de urina.

Publicidade

Gosta de música? Ouça clássicos das décadas de 70, 80 e 90 agora mesmo | CLIQUE AQUI

Publicidade

Especialista fala sobre infecção urinária

De acordo com o presidente da SBN – Sociedade Brasileira de Nefrologia, o médico Osvaldo Merege Vieira Neto, as infecções urinárias podem ter diferentes tipos de gravidade. O especialista explicou que existem casos mais leves, como cistite, porém, se o médico não intervir de forma rápida, há outros tipos que matam.

Publicidade

“Já vi um caso de um paciente vir a óbito em poucas horas, especialmente quando afeta os rins (pielonefrite)”, disse o médico. Ele ainda fez questão de frisar que o comentário da médica é um absurdo, pois a doença pode ser potencialmente grave podendo levar o paciente ao óbito. Caso apresente sintomas específicos de infecção de urina, o ideal é buscar ajuda médica de imediato.

Publicidade