in

Menina pede pizza ‘fiado’ e reação do entregador é uma das coisas mais lindas que já se viu

Uma onda de amor foi formada e a menina e sua família receberam muitas doações.

Reprodução Flavio Tupan

Uma menina de oito anos viralizou nas redes sociais depois de pedir a um entregador de pizza o telefone da pizzaria onde ele trabalhava. A garotinha queria pedir uma pizza, mas não tinha dinheiro para pagar. A ideia dela era pegar a pizza fiado para a mãe pagar depois.

Publicidade

A história aconteceu com o entregador Flávio Tupan, no bairro Cohab 5, localizado na cidade de Vargem Grande do Sul, em São Paulo. A história contada por ele viralizou e uma rede de solidariedade foi criada para ajudar a menina e sua família.

História de menina que queria comprar pizza fiado viraliza e família recebe ajuda

O valor de uma pizza pode ser pouco para alguns, mas é muito mais do que outros podem pagar. Se por um lado, há aqueles que podem comprar uma pizza e pagar com facilidade. Há outros que precisam fazer esforços tremendos de orçamento familiar ligar em uma pizzaria e pedir a pizza.

Publicidade

Este é o caso da menina de 8 anos de Vergam Grande do Sul. Flávio Tupan postou a história no Facebook e explicou que estava sem dinheiro, por isso não pagou a pizza para a criança. O entregador também deixou claro que a atitude de postar partiu dele e não da menina ou de sua família. Rapidamente internautas se manifestaram.

Publicidade

Publicidade

No dia seguinte, o motoboy acordou e se deparou com diversas mensagens. Camile e sua família ganharam pizza e muitas outras coisas: empadão, minipastéis, lanches e cesta básica foram encaminhadas à família da menina. Patrícia, a mãe de Camile, ficou muito feliz com tudo que foi entregue na casa delas.

Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!