in

6 coisas que você precisa saber sobre câncer raro que tirou a vida de jornalista da Globo e ex-Corinthians

Campanha nacional está chamando a atenção para tipo de câncer raro que tirou vida de jornalista da Globo.

Reprodução/Oncologia Brasil / Globo News

Um tipo de câncer raro e sem cura foi o responsável por tirar a vida de Cristiana Lôbo no dia 11 de novembro de 2021, aos 64 anos. O ex-jogador do Corinthians, Gilmar Fubá, também faleceu em decorrência do mieloma múltiplo no dia 5 de março do mesmo ano.

Publicidade

A primeira coisa que você precisa saber sobre a doença é que ele é um tipo de câncer raro que se desenvolve na medula óssea. A patologia ocorre por conta do crescimento descontrolado dos plasmócitos, que é um tipo de glóbulos brancos. A segunda coisa é que esses glóbulos se multiplicam descontroladamente, comprometendo a produção de outras células do sangue.

Mieloma múltiplo é um tipo raro de câncer

Publicidade

Em terceiro lugar, essa doença se manifesta sem controle, ocasionando o aparecimento da anemia no paciente, bem como fraqueza, fraturas nos ossos e até a deficiência no sistema imunológico do doente. Seu diagnóstico acontece quando há ao menos três lesões diferentes nos ossos, por amostras de sangue ou urina com muita proteína e por biópsia.

Publicidade

A quinta coisa que você precisa se informar é que não há nenhum tipo de prevenção ou cura. O tratamento pode ser realizado por radioterapia, quimioterapia ou imunoterapia, podendo ser feito o autotransplante de medula óssea. Por fim, o grupo de risco é em pessoas mais jovens, mas no Brasil a maioria é em homens idosos, com cerca de 15 mil casos da doença por ano no país.

Publicidade

Mês de conscientização do mieloma múltiplo

O mês de março é dedicado à conscientização dessa patologia, de acordo com Rogério Oliveira, que é um paciente diagnosticado com a doenças e fundador da Associação Brasileira de Mieloma Múltiplo.

Lembrando que este artigo tem o objetivo de alertar sobre um dos tipos mais agressivos de câncer. Você deve procurar um médico sempre que notar algo de diferente em seu corpo, somente ele pode diagnosticar qualquer patologia.

Publicidade

Escrito por Nado C.

Sou formado em Sistemas de Informação com pós-graduação em Gerenciamento de Projetos em T.I. Além de atuar como programador há 10 anos, trabalho também como redator há cerca de 4 anos, o que fez despertar uma nova paixão e hoje também sou graduado em Letras - Português e Inglês. Escrevo sobre tudo o que envolve o mundo do entretenimento, além de falar sobre esportes e as principais notícias do dia a dia. Pode entrar em contato comigo através do e-mail nado_news@hotmail.com .