in

Estudo aponta que demência está associada com menopausa precoce nas mulheres

Os dados analisados apontam que a interrupção do ciclo menstrual antes dos 40 anos pode desenvolver demência.

Pexels

Segundo informações de um estudo preliminar, o fato de uma mulher entrar na menopausa antes dos 40 anos está associado a um risco maior da mesma desenvolver demência ao longo da vida.

Publicidade

A menopausa precoce, como é denominada, acontece quando os ovários de uma mulher não produzem mais hormônios e o seu ciclo menstrual se encerra. Isso ocorre cerca de 12 anos antes do início típico da menopausa, que costuma acontecer aos 52 anos.

O estudo feito nos Estados Unidos aponta que acontece uma associação entre a menopausa precoce e as maiores chances de acontecer uma demência futuramente.

Publicidade

De acordo com a pesquisa, algumas mulheres passam pela menopausa precoce pelo fato de acontecer um envelhecimento biológico mais rápido em todos os tecidos do corpo, considerando o envelhecimento precoce de todos os órgãos e funções, incluindo os úteros e ovários.

Publicidade

Lloyd-Jones, professor de medicina preventiva acrescentou que quando isso acontece é um sinal de alerta vermelho em vários níveis quando uma mulher mais jovem passa por esse tipo de mudança, pois isso pode estar relacionado com algum problema genético, ambiental ou de saúde, e é preciso ser feita uma investigação.

Publicidade

O estudo levou vários fatores em consideração como: idade, raça, peso, escolaridade e renda, uso de cigarro e álcool, doenças cardiovasculares, diabetes e atividades físicas. O mesmo apontou que as mulheres que entraram na menopausa com menos de 45 anos tinham maiores chances de serem diagnosticadas com demência precoce quando atingissem os 65 anos.

Publicidade