in

Médica encontrada sem vida sofreu infarto agudo do miocárdio: caso serve de alerta aos jovens

Médica foi encontrada sem vida dentro de banheiro de hospital enquanto estava em horário de plantão.

Reprodução / Instagram / iStock

A médica Ana Carolina Borges Gorga foi encontrada sem vida no dia 24 de janeiro, dentro de um banheiro de um Pronto Socorro de Cubatão, na Baixada Santista, litoral do estado de São Paulo. Após alguns dias de investigação, a Polícia Civil divulgou que a causa do falecimento dela foi por um infarto agudo do miocárdio.

Publicidade

Apesar do laudo, as investigações continuam. O documento não é o suficiente para que a corporação possa encerrar o caso. De acordo com a polícia, as investigações seguem pelo 3º DP de Cubatão. Laudos complementares ainda serão analisados pelas autoridades policiais.

Infarto agudo do miocárdio

De acordo com o médico cardiologista Luiz Claudio Behrmann Martins, o infarto agudo do miocárdio, chamado também de ataque cardíaco, é ocasionado por conta de uma obstrução do fluxo sanguíneo das artérias que ficam no coração.

Publicidade

A interrupção pode ocorrer por conta de placas de gordura, espasmos no vaso sanguíneo ou até por reação inflamatória da própria artéria. Os primeiros sinais que podem indicar esse mal são geralmente dores na região do tórax, sudorese, cansaço, náuseas e desmaio. Quando há lesão muscular, se torna uma condição fatal.

Publicidade

Gosta de música? Ouça clássicos das décadas de 70, 80 e 90 agora mesmo | CLIQUE AQUI

Publicidade

Infarto em jovens

O caso de infarto em jovens pode ser até mais fatal do que em pessoas mais idosas, pois ainda não foram desenvolvidas condições cardiovasculares que podem minimizar a lesão. Jovens devem ficar atentos aos riscos que podem intensificar esse mal.

Publicidade

Tabagismo, pressão alta, obesidade, depressão, colesterol excessivo, diabetes e estresse podem ser fatores a serem levados como alerta. Diabéticos e pessoas que tenham histórico de infarto na família, tem mais chances. A prevenção pode ser por exercícios físicos, alimentação balanceada, cessar o fumo e controlar os fatores de risco elencados acima.

Publicidade

Escrito por Nado C.

Sou formado em Sistemas de Informação com pós-graduação em Gerenciamento de Projetos em T.I. Além de atuar como programador há 10 anos, trabalho também como redator há cerca de 4 anos, o que fez despertar uma nova paixão e hoje também sou graduado em Letras - Português e Inglês. Escrevo sobre tudo o que envolve o mundo do entretenimento, além de falar sobre esportes e as principais notícias do dia a dia. Pode entrar em contato comigo através do e-mail nado_news@hotmail.com .