in

‘Um pedaço de mim’, desabafa mãe de bebê que faleceu intoxicada com remédios em hospital

Bebê não resistiu a uma superdosagem de medicamentos prescrita por médica em hospital do Distrito Federal.

Foto: Arquivo pessoal (reprodução G1)

A pequena Gabrielly Tauane Rabelo de Sousa faleceu por conta de uma superdosagem de medicação prescrita por médica. O caso já completou nove anos, mas agora a mãe da bebê resolveu romper o silêncio para contar um pouco do drama que passou quando perdeu a filha.

Publicidade

A bebê tinha apenas nove meses de vida quando foi hospitalizada no Hospital Regional de Planaltina, que fica no Distrito Federal. Ela deu entrada na unidade no dia 28 de maio de 2012, com suspeitas de pneumonia.

Três dias depois, a bebê perdeu a vida por conta de uma intoxicação por superdosagem de um antibiótico que foi prescrito pela médica do local. O pequeno Paulo Henrique Siqueira dos Santos, de apenas cinco meses, morreu no mesmo dia e pelo mesmo motivo. De acordo com laudos periciais, as crianças receberam quantias até 15 vezes maiores do que o indicado para eles.

Publicidade

Mãe de bebê que faleceu por remédios desabafa

A mãe de Gabrielly, Tatiana, concedeu uma entrevista ao portal de notícias do G1 e na ocasião falou um pouco sobre as perdas. “Foi questão de 10 minutos de um bebê para o outro. Minha filha começou a passar mal nos meus braços. Até hoje eu lembro de tudo o que ocorreu naquele dia. Quando ela morreu, morreu também um pedaço de mim”, falou Tatiana.

Publicidade

Família recebe indenização

O Tribunal de Justiça do DF e Territórios condenou o governo em primeira instância para pagar uma indenização que chega a R$ 60 mil. No processo foi alegado danos morais, além do pagamento de pensão para a mãe. Essa decisão ocorreu no final do ano passado, mas só foi divulgada nesta terça-feira (11).

Publicidade

Já a médica, Glaydes José Leite, recebeu a condenação no ano de 2015. Ela foi condenada a pagar R$ 135 mil para cada família, mas segundo Tatiana, a médica recorreu e ela pagou um salário mínimo pelo período de cinco anos, atingindo cerca de R$ 66 mil.

Publicidade

Escrito por Nado Calegari

Sou formado em Sistemas de Informação com pós-graduação em Gerenciamento de Projetos em T.I. Além de atuar como programador há 10 anos, trabalho também como redator há cerca de 4 anos, o que fez despertar uma nova paixão e hoje também sou graduado em Letras - Português e Inglês. Escrevo sobre tudo o que envolve o mundo do entretenimento, além de falar sobre esportes e as principais notícias do dia a dia. Pode entrar em contato comigo através do e-mail nado_news@hotmail.com .