in

Angiomas são câncer? Conheça detalhes sobre a condição e como eliminar os pontinhos vermelhos na pele

Muitas pessoas tem essa marquinha na pele e ficam preocupadas se pode ser algo grave.

Reprodução Varginha Digital

Você tem pontos avermelhados na pele? Fique sabendo que isso não é considerado uma preocupação, pois não é um problema de saúde, desde que essas marquinhas não estejam incomodando, coçando ou sangrando. Caso isso aconteça é importante buscar a ajuda de um profissional de saúde.

Publicidade

Estes pontos vermelhos costumam aparecer com maior frequência em pessoas com idade entre 40 a 45 anos. No entanto, isso não quer dizer que eles não podem aparecer em indivíduos com faixa etária abaixo da citada. A condição costuma chamar atenção em virtude da sua tonalidade.

Muita gente não sabe, mas os pontinhos vermelhos que costumam surgir na pele são herdados dos pais e se chamam angiomas. Eles são formados por pequenas dilatações capilares geradas por do sistema vascular. Geralmente, as marquinhas costumam aparecer com maior frequência na região dos braços e peito.

Publicidade

Especialistas no assunto explicam que os angiomas são parecidos com as varizes, mas de surgem de forma perpendicular à pele, em vez de forma paralela. Algumas pessoas podem temer que os angiomas sejam pontos cancerosos. Mas, de fato são tumores benignos, sendo importante fazer o monitoramento para ter atenção com qualquer tipo de alteração.

Publicidade

Quando é preciso se preocupar?

A preocupação com os angiomas deve acontecer caso os pontinhos comecem a gerar incômodos, como coceira ou sangramento. Neste caso busque a ajuda de um médico com urgência. No entanto, na maioria das vezes não apresenta nenhum risco para a saúde. Muitas pessoas acabam não gostando da aparência quando usam roupas que deixam as bolinhas vermelhas à mostra.

Publicidade

É importante mencionar que nunca se deve eliminar esses pontinhos em casa de forma caseira usando remédios naturais, pois pode acabar impactando negativamente, sendo algo perigoso para a saúde.

Geralmente, para sua eliminação é recomendado procurar um profissional que vai fazer a retirada com a ajuda do laser ou um bisturi elétrico que queima o ponto vermelho.

Publicidade