in

Homem perde a vida após participar de ‘Festa da Covid’; uma criança também foi infectada

Segundo médicos, está sendo comum o hábito de tentar ser infectado pela doença.

Daily Mail/Imagem de Arquivo

O número total de casos de infecções pela Covid-19 já ultrapassam 250 milhões. Além disso, mais de 5 milhões de indivíduos perderam a vida desde o início da pandemia em todo o mundo em decorrência do coronavírus.

Publicidade

Entre as vítimas fatais mais recentes está um homem da Áustria que foi contaminado pela Covid-19 de maneira proposital. As informações foram divulgadas nesta semana por alguns veículos de comunicação internacionais, que afirmaram que o paciente foi a uma ‘festa da Covid’.

De acordo com Patrick Franzoni, médico e vice-coordenador de uma unidade que trata de pacientes da Covid-19 na cidade de Bolzano, na Itália, algumas pessoas tentam a todo custo serem acometidas pela doença.

Publicidade

Patrick diz que seus colegas encontraram vários indivíduos que admitiram o fato. A tentativa de pegar a Covid seria para adquirir anticorpos contra a enfermidade e conseguir obter o passe verde sem a vacina.

Publicidade

Esse passe é um papel obrigatório da Itália e se assemelha à aprovação da vacina na Austrália, que mostra que alguém foi vacinado contra a Covid, se recuperou nos últimos seis meses ou teve um teste negativo nos últimos dias.

Publicidade

De acordo com o médico, a vítima da Áustria tinha 55 anos de idade e pretendia se infectar na ‘festa da Covid’, assim como outras pessoas que se encontravam no local. A identidade do paciente não foi divulgada.

O Dr. Patrick demonstra preocupação com o ato das pessoas que procuram se infectar propositalmente com o coronavírus: “Eles não percebem que o vírus é muito perigoso até mesmo em crianças e jovens”.

Além do homem, mais três pessoas, inclusive uma criança, foram infectados ao procurar receber o vírus de propósito.

Publicidade

Escrito por Aurilane Alves

Escrevo sobre os assuntos mais bombados do momento, famosos, curiosidades, notícias em geral.