in

Tratamento caseiro com alho para curar dor de ouvido é mais perigoso do que se imagina; nunca faça isso

Usar alho para dor de ouvido pode é gerar muito mais males do que auxiliar na cura do paciente.

Robin HIggins/Pixabay

É bem provável que a maior parte das pessoas, se não o fizeram, pelo menos conhecem alguma receita de tratamento caseiro para alguma enfermidade, problema estético ou prevenção de problemas de saúde e até contra envelhecimento precoce. Embora tratamentos a base de ingredientes naturais têm se tornado cada vez mais populares e procurados, a verdade é que alguns também podem trazer malefícios a quem o utiliza.

Publicidade

Esse é o caso do uso do alho para curar dor de ouvido, prática comum em vários países, inclusive no Brasil, em tradições familiares que já vem de algumas gerações. Embora o alho possua propriedades anti-inflamatórias e até melhore o sistema imunológico, a verdade é que introduzir um pedaço dentro do ouvido pode piorar a dor e até gerar uma infecção microbiana.

De acordo com o médico Michael Daignault, jamais se deve introduzir nada, nem mesmo para tratamento, dentro do ouvido, pois isso pode agravar um problema que poderia se resolver sozinho, como uma otite, e gerar infecções graves, bem como existe o risco de perfurar a membrana timpânica, que é sensível.

Publicidade

Micróbios podem se proliferar dentro do ouvido por conta do contato com o alho e gerar até mesmo uma dermatite de contato. Para acabar com as dúvidas de quem jura de pé junto que a receita caseira funciona, o USA Today esclareceu que o alho não é capaz de chegar no local da dor de ouvido, que se desencadeia atrás do tímpano, de forma que não irá curar o problema, mas aumentar os riscos de piora.

Publicidade

Por isso, jamais introduza alho no ouvido. O alho pode ser consumido por via oral e é inclusive usado para ajudar a controlar a pressão arterial. Há quem goste de comer um dente de algo por dia para auxiliar em um sistema imunológico saudável, mas nunca insira qualquer alimento ou objeto no ouvido, para evitar sofrer as dolorosas consequências.

Publicidade
Publicidade

Escrito por Guti M

Redator de entretenimento e curiosidades