in

Simaria contou que foi picada por abelha nos olhos; conheça os riscos e como proceder nesse tipo de situação

A cantora apareceu com o rosto completamente diferente no último final de semana e explicou o motivo.

F5 Noticia

A cantora Simaria, que faz dupla com a irmã Simone, deixou os fãs impactados ao aparecer nas redes sociais com o rosto completamente diferente. A coleguinha apareceu usando óculos escuros e contou aos fãs que o acessório não era apenas para fazer um estilo, mas que foi necessário usar durante o show porque ela havia sido picada por abelhas nos dois olhos.

Publicidade

Segundo informação da médica Maria Beatriz Guerios, a famosa, provavelmente, quis informar que o inseto havia picado as suas pálpebras, pois quando algo se aproxima dos olhos de uma pessoa, o primeiro instinto é fechá-los para proteger o globo ocular.

A especialista explica que para o olho não é um grande problema, porém, a picada do inseto na pálpebra pode ocasionar uma infecção secundaria no rosto. A médica explicou que o veneno pode servir como porta de entrada para bactérias. Por esse motivo, nesse tipo de situação é importante lavar o local e usar um antisséptico prescrito pelo médico.

Publicidade

Também existe o risco da pessoa sofrer uma alergia. Os primeiros sinais são inchaço e coceira no local podendo se espalhar pelo rosto, como, por exemplo, a boca. Se a coceira começa a se espalhar por outros locais, o ideal é tomar um remédio antialérgico e buscar ajuda médica o mais rápido possível.

Publicidade

Apesar de não parecer o caso de Simaria, algumas pessoas podem sofrer uma hipersensibilidade no organismo a ponto de ter a própria vida em risco. Em poucos minutos ou segundos a pessoa pode apresentar edema da cabeça aos pés, taquicardia, queda de pressão, náusea, sudorese e obstrução das vias aéreas. Esses são sinais de choque anafilático, que pode levar o indivíduo à morte.

Publicidade

O que ocorre no organismo após a picada? 

No geral, as vespas e abelhas costumam atacar em bandos, especialmente quando se sentem ameaçadas. Após a picada, as células do corpo que são chamadas de mastócitos começam a produzir anticorpos para poder combater as toxinas. Vale ressaltar que caso a pessoa seja picada 20, 30 vezes por alguns desses insetos, a situação pode ser fatal em virtude da quantidade de veneno que entra no organismo.

Publicidade

Escrito por Shyrlene Souza

Redatora na web desde 2016, formada em ciências contábeis, apaixonada pela redação desde criança. Escrevo sobre assuntos diversos, famosos, maternidade e notícias que se destacam no Brasil e no mundo.