in

Vacinação de crianças contra a Covid-19 tem detalhes anunciados

O público infantil deverá receber as doses contra a Covid-19 somente no ano de 2022.

Reprodução/FreePik

O momento delicado que o Brasil passa em relação à pandemia do novo Coronavírus fez com que milhões de pessoas tivessem que se acostumar com o isolamento social, com diversos efeitos da crise e além de tudo com a incerteza sobre a própria saúde.

Publicidade

Com o surgimento das vacinas, houveram muitas especulações sobre a quantidade de doses necessárias para a imunização completa, a necessidade de reforços e também quais são as principais recomendações para cada faixa etária que será vacinada.

Primeiramente, os mais idosos foram vacinados, já estão em suas doses de reforço, mas as crianças ainda não estão sendo vacinadas. Contudo, detalhes divulgados pela Revista Veja informam que o Governo Federal deseja começar a imunizar as crianças no ano de 2022.

Publicidade

O Ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, informou que a decisão de iniciar a imunização depende ainda do aval da Anvisa. No último mês de agosto, a mesma Anvisa havia negado o pedido do Instituto Butantan para que crianças entre 3 a 17 anos fossem imunizadas pela Coronavac.

Publicidade

Por outro lado, foi autorizada a imunização de menores de idade acima dos 12 anos, com a Pfizer. Países vizinhos como o Chile já estão vacinando crianças entre 6 e 12 anos com a Coronavac desde o início de setembro, na Argentina, desde o começo de outubro, as crianças entre 3 e 11 anos também já estão recebendo imunização, com a vacina da Sinopharm.

Publicidade

Nos Estados Unidos, a Pfizer solicitou à FDA a autorização para imunizar crianças entre 5 a 11 anos. Uma pesquisa divulgada em setembro confirmou ser eficaz a vacinação nas crianças com este imunizante.

Publicidade

Escrito por Matheus Feitosa

Escrevo sobre TV, famosos e entretenimento desde 2011.

A atenção nos detalhes é o que nos faz prosperar.