in

Mãe solo, presa por furtar picanha para alimentar o filho, ganha R$ 45 mil em vaquinha

Paloma, de 19 anos, foi detida após furto em supermercado do Rio de Janeiro.

Reprodução Só Notícia Boa

Roubar é crime e ninguém tem dúvidas disso. Paloma da Silva Santos, de 19 anos, está desempregada. Mãe solo de Pierre, de apenas oito meses, ela se desesperou por não ter como alimentar o filho e furtou peças de picanha de um supermercado do Rio de Janeiro.

Publicidade

O caso aconteceu em Manguinhos, zona norte da cidade. Paloma foi detida no momento do furto. A mulher contou que o objetivo era furtar a peça de picanha e revender para conseguir dinheiro. Com a grana, ela compraria alimentos e pagaria o aluguel atrasado.

O Tribunal de Justiça do Rio julgou e condenou Paloma a pagar R$ 500. A quantia, que pode não ser alta para muita gente, mas era muita coisa para uma mãe solo sem dinheiro, foi parcelada em cinco vezes. É neste momento que entra o advogado Joel Luiz Costa na história.

Publicidade

Ele criou uma campanha online para arrecadar fundos para a mulher. As expectativas foram superadas. O advogado usou as redes sociais para comemorar que a vaquinha havia atingido R$ 45 mil, muito além do que se queria no início.

Publicidade

No Twitter, o advogado comemorou o resultado e afirmou que, diferente do TJ-RJ, que tratou Paloma como um número, as pessoas que doaram trataram Paloma como um ser humano. Muitos internautas também comemoraram o resultado da campanha de arrecadação.

Publicidade

“Que alegria, que ela possa recomeçar a vida”, comentou uma pessoa. “É pra coisas como estas o motivo de nossa existência”, escreveu mais um. Com o dinheiro, Paloma poderá pagar os R$ 500 que deve à Justiça, o aluguel e dar uma vida um pouco melhor ao filho de apenas oito meses. 

Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!