in

Mãe de 3 filhos finge ter câncer terminal e recebe R$ 115 mil de doação; ela revelou motivo da farsa

O juiz acreditou em sua versão e deu como forma de pena 100 horas de serviço.

Sun

Uma mulher britânica acabou ficando em maus lençóis depois de criar uma mentira para sua família. A jovem, de 28 anos de idade, fingiu ter uma doença terminal e o motivo da atitude dela vai te surpreender no final.

Publicidade

Megan Scotcher é moradora de Derbyshire, na Inglaterra. Ela contou para seus parentes que o câncer que havia removido há algum tempo e estava em remissão tinha voltado, que foi um grande choque para os familiares da moça.

A família de Megan criou, sem que ela soubesse, um fundo em um site de arrecadação que tinha como propósito custear o tratamento para a falsa doença.

Publicidade

O motivo da mentira

Megan revelou que o motivo de ter fingido para seus familiares que estava com câncer terminal era que ela tinha intenção de tirar a própria vida e queria preparar a família para sua partida, contando que só viveria até janeiro.

Publicidade

Megan, que tem três filhos, havia sofrido de câncer na adolescência, para depois de ser submetida a uma cirurgia e um tratamento de quimioterapia, ficou em remissão e a doença não voltou a aparecer.

Publicidade

Em outubro do ano passado, a ré disse à mãe que tinha uma massa no cérebro e só viveria até janeiro. Mas a mãe dela ficou desconfiada porque a filha a fez esperar fora das consultas no hospital”, conta um advogado.

A família de Megan conseguiu arrecadar mais de 21 mil dólares no site. Após saber da verdade, a mãe da jovem a denunciou e ela foi levada ao tribunal. O juiz responsável pelo caso acreditou em sua versão da história de que ela não tinha a intenção de pegar o dinheiro para si.

Inicialmente, o tribunal decretou dez meses de prisão para a inglesa, mas por fim deu como punição 100 horas de trabalho não remunerado.

Publicidade
Publicidade

Escrito por Aurilane Alves

Escrevo sobre os assuntos mais bombados do momento, famosos, curiosidades, notícias em geral.