in

Sem ter com quem deixar o filho, jovem leva criança com ela para realizar o vestibular

Foto da jovem fazendo a prova do processo seletivo com o filho nos braços viralizou após ser divulgada.

Coolcloud/Montagem Guti M.

Muitas jovens ao passarem por uma gestação precoce acabam perdendo mais do que oportunidades de um futuro melhor: elas desistem de si mesmas, incluindo seus sonhos. Mas muitas não se deixam abater e usam a situação como motivação para serem suas melhores versões.

Publicidade

Uma jovem, que não teve seu nome divulgado, foi fotografada fazendo uma prova para entrar na universidade no Peru. A mulher carregava o menino dormindo em um de seus braços, enquanto usava a outra mão para segurar uma caneta e responder às questões da prova.

O caso dividiu muita gente nas redes sociais. Enquanto a jovem era vista como motivo de superação e força de vontade na luta pelos seus estudos diante da maternidade, outros a criticavam, dizendo se tratar de uma péssima mãe e que ninguém mandou ela ter filho cedo, então que deveria mesmo arcar com as consequências e parar de querer aparecer levando o menino ao vestibular.

Publicidade

A maior parte das pessoas ficaram felizes em ver que essa jovem pode servir de bom exemplo para outras que ao se tornarem mães pensam que suas chances de estudarem já acabaram, quando, na verdade, podem se dedicar e serem o que desejarem, dando um futuro melhor para elas e seus filhos.

Publicidade

O caso da jovem levantou uma questão na imprensa peruana, o fato de parte significativa das mulheres que abandonam os estudos, o fazem porque se tornaram mães e a maior parte delas não retorna para a sala de aula quando a acriança nasce, seja por não ter com quem deixar o filho, ou por não terem mais motivação para estudar.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Guti M

Redator de entretenimento e curiosidades