in

Pais que jogaram revistas e vídeos adultos do filho no lixo terão que pagar indenização de R$ 155 mil

O casal achou que estaria ajudando os filhos, mas ficaram surpresos com a atitude dele.

Extra

A forma como alguns pais procuram educar seus filhos podem acabar dividindo opiniões, uma vez que muitas pessoas acham que é preciso dar mais liberdade, enquanto outras acham que se deve ser mais rígido.

Publicidade

A atitude de um casal de Michigan, nos Estados Unidos, vem sendo questionada por muito. Os pais decidiram jogar fora os vídeos e revistas de conteúdo adulto do filho, só que acabaram sendo penalizados pela Justiça.

Quando o casal descobriu não só os vídeos e as revistas, como também alguns brinquedos íntimos que o filho guardava, não teve dúvida, achou que seria melhor jogar tudo aquilo no lixo. David Werking, de 43 anos, ficou revoltado quando chegou em casa e descobriu o que havia acontecido, inclusive ele disse que aquele material era ‘um tesouro’ que ele tinha.

Publicidade

Publicidade

David ficou revoltado com a atitude dos pais e alegou que seu acervo tinha várias raridades e que nunca poderiam ter sido descartadas. A especialista Victoria Hartmann fez um levantamento de tudo que o casal jogou no lixo e disse que a ‘coleção’ tinha o valor médio de R$ 155 mil, porque contava de fato com um material raro.

Publicidade

Quando David se separou, foi morar com os pais em Grand Haven e não abriu mão de sua coleção de revistas e vídeos. Beth e Paul Werking receberam o filho muito bem, mas quando David foi morar sozinho, o casal achou melhor jogar a coleção fora, ao invés de enviá-la para o novo endereço do rapaz.

Furioso com a atitude dos pais, David entrou na Justiça e agora terá direito a receber R$ 155 mil de indenização.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Russel

Sempre ligado a tudo que acontece no Brasil e no mundo, estou sempre trazendo as últimas notícias sobre o mundo dos famosos, reality shows, filmes, músicas, novelas e programas de televisão de um modo geral. Aqui você ficará sempre muito bem informado. Se quiser entrar em contato, fique à vontade: russelmy@yahoo.com.br