in

Remédio comum na casa dos brasileiros pode causar hipertensão e choque anafilático

Um dos remédios mais vendidos do país tem diversos possíveis efeitos colaterais, alguns graves.

Deccan Herald

Seja no desespero de aliviar uma dor, por desvios psiquiátricos ou por simples descuido, muitas pessoas acabam tomando doses altas de Nimesulida o que pode acarretar alguns efeitos indesejados no organismo. Geralmente esses efeitos não são tão graves em indivíduos previamente saudáveis.

Publicidade

Pessoas do grupo de risco para o medicamento podem ter reações colaterais severas. Já pessoas sem nenhuma comorbidade ou hipersensibilidade aos componentes do medicamento os principais efeitos de uma superdose de Nimesulida são:

  1. Letargia: sensação de moleza, fraqueza muscular, sonolência e retardo nos movimentos e no raciocínio podendo ou não ser acompanhado de desmaio;
  2. Náuseas, vômitos e dores gástricas intensas com possível surgimento de úlceras hemorrágicas;
  3. Visão turva, tonturas e hipertensão;
  4. Insuficiência renal grave, perda da capacidade de respirar e choque anafilático podem ocorrer, mas são raros.

Nenhum tipo de suporte ou remédio caseiro é recomendado. Se a pessoa tomou uma dose elevada de Nimesulida, mas não excessiva, como, por exemplo, ter tomado 2 comprimidos ao invés de 1 por esquecimento, um médico deve ser consultado, mas isso pode ser feito em um posto de saúde ou UPA.

Publicidade

Publicidade

Em casos de uso de doses muito elevadas, como 10 comprimidos de uma única vez, a pessoa deve ser levada imediatamente a um pronto-socorro.

Publicidade

Não existe antídoto para a Nimesulida, por isso no hospital ela será tratada com lavagem gástrica e aplicação de carvão ativado em conjunto a demais suportes terapêuticos.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Evandro

O mundo do entretenimento é a minha vida.