in

Homem não desembarca no ponto final e quando motorista vai até ele descobre algo terrível

Motorista e cobrador chamaram Corpo de Bombeiros após não conseguirem acordar passageiro.

Reprodução Diario de Transporte

Quem pega ônibus diariamente já se deparou com pessoas que dormem enquanto estão viajando. Essa atitude é muito comum. O que não é comum é um caso que aconteceu na cidade de São Sebastião, no Distrito Federal. Um veículo da empresa UTB chegou ao terminal rodoviário da cidade e havia um passageiro que, aparentemente, estava dormindo.

Publicidade

O homem de 65 anos foi identificado apenas como Ilizeu. O motorista e o cobrador do ônibus foram até o passageiro e tentaram acordar ele já que havia chegado ao ponto final. O homem não respondeu. Depois de algumas tentativas, os profissionais da empresa decidiram chamar o Corpo de Bombeiros.

Os bombeiros chegaram ao local alguns minutos depois do chamado, mas Ilizeu havia sofrido uma parada cardiorrespiratória. Foi quase 50 minutos tentando reanimar o homem de 65 anos, como mostra o vídeo abaixo, gravado pela equipe do Corpo de Bombeiros.

Publicidade

Publicidade

Passageiro morreu no ônibus

Após os homens do Corpo de Bombeiros tentarem reanimar Ilizeu, de 65 anos, houve acionamento do resgate aéreo, feito por helicóptero, mas o senhor já estava morto. Não foi divulgado se havia passageiro ao lado dele dentro do ônibus.

Publicidade

De qualquer forma, ninguém que estava no veículo percebeu que o homem não dormia, mas sim havia passado mal. O tempo que ele pode ter ficado dentro do ônibus sem resgate após sofrer a parada cardiorrespiratória pode ter sido decisivo para que o quadro evoluísse para óbito. Não foram divulgadas informações sobre a família do idoso nem sobre velório e enterro.

Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!