in

Menino de 6 anos vê professora sofrer grave acidente e salva sua vida: ‘Ele é um herói’

Médicos disseram que, se o menino não tivesse ajudado a professora, ela teria morrido antes de chegar ao hospital.

Mónica Aguillar

Graças a ação rápida de uma criança de apenas seis anos, a professora Joyce Darr sobreviveu para contar sua história. Max Meza, o aluno, viu quando a professora caiu e bateu a cabeça com força. Na hora, ela ficou inconsciente.

Publicidade

Max percebeu que a situação era grave e não entrou em pânico: ligou para o resgate e ficou o tempo todo ao lado da professora, a acalmando diante da situação. O resgate chegou rapidamente e levou a mulher para o hospital mais próximo.

Joyce teve traumatismo craniano e hemorragia na cabeça, ficando internada por 12 dias. Os médicos disseram que se não fosse a ação rápida de Max, ela provavelmente não teria aguentado, pois seu caso precisava de atendimento rápido.

Publicidade

Dias depois, o menino foi levado até o hospital para ver a professora, que já estava consciente e muito agradecida pelo menino ter salvo sua vida. Derek Darr, filho de Joyce, estava no hospital e agradeceu Max lhe dando um par de tênis, além de abraça-lo e dizer obrigado muitas vezes: “Eu devo ter o abraçado umas vinte vezes e agradeci uma cem vezes”, declarou Derek.

Publicidade

Gosta de música? Ouça clássicos das décadas de 70, 80 e 90 agora mesmo | CLIQUE AQUI

Publicidade

Grady Judd, xerife na Flórida, Estados Unidos, cidade em que os fatos aconteceram, deu um certificado ao garoto por seu feito heroico, além de uma bicicleta nova. A mãe de Max, Mónica Aguillar, ficou muito feliz com a atitude do filho, sentindo orgulho pelo gesto de humanidade e solidariedade da criança.

Publicidade

“Ele é um herói. Isso salvou a vida de Joyce”, declarou o xerife Grady Judd. O caso repercutiu nos noticiários dos Estados Unidos e ganhou reportagens em canais de televisão, como a ABC.

Publicidade

Escrito por Nascimento

Redator de entretenimento e curiosidades