in

Professora morre e seu último pedido é de cortar o coração: ‘viveu sua vida amando os outros’

A professora não deixou de pensar no próximo nem mesmo em seus últimos dias de vida e comoveu muita gente.

Nation

Alguns professores amam tanto o que fazem que acabam dedicando suas vidas não só ao ensino acadêmico, mas aos ensinamentos da vida. Tammy Waddell, dos Estados Unidos, dedicou trinta anos de sua vida como professora primária. Ela conheceu e se envolveu com a história de centenas de crianças da Georgia por todo esse tempo.

Publicidade

Tammy dedicou sua vida não só a trabalhar como professora, mas também conferindo auxílio social, ajudando os estudantes que mais precisassem de apoio. Um filho e um primo de Tammy foram contagiados por sua paixão pelo trabalho de professora e também se tornaram professores.

Tammy foi diagnosticada com câncer e lutou arduamente contra a doença por um tempo, mas infelizmente acabou vindo a óbito. A despedida de Tammy não poderia ser menos importante e expressiva do que toda sua vida dedicada ao próximo e ao saber.

Publicidade

Dias antes de morrer, Tammy pediu aos familiares que não levassem flores em seu funeral, mas que levassem mochilas com material escolar para doar para crianças carentes. O desejo de Tammy foi atendido por seus familiares, amigos, vizinhos, ex-alunos e demais pessoas que compareceram ao funeral.

Publicidade

Brad Johnson, primo de Tammy, declarou em entrevista à CNN que a decisão da prima mostrou o quanto ela era dedicada a fazer o bem a vida toda. Tammy sempre defendeu um ensino básico de qualidade para todos e fazia sua parte para que os alunos que passassem por suas aulas fossem bem assistidos.

Publicidade

Kevin Waddell, filho de Tammy, declarou em entrevista: “Parte do que eu amava em minha mãe era a paixão que ela tinha como professora. Ela tinha uma enorme paixão pela alfabetização e acreditava que todas as crianças mereciam a oportunidade de aprender. Minha mãe viveu sua vida amando os outros e nunca se preocupou com atenção … ela estava apenas focada no amor”.

Dezenas de materiais escolares foram entregues em seu funeral e, posteriormente, doados as crianças carentes, cumprindo-se assim o último desejo da professora.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Guti M

Redator de entretenimento e curiosidades