in

É você mesmo? Menina do meme de sucesso mundial reaparece e mudança vai te causar surpresa

Passados dezesseis anos da foto icônica, menina do meme tem lucrado com sua fama na internet.

Redes Sociais

A internet tem o poder de eternizar muitos fatos e imagens. Quando a onda dos memes ainda começava a dar os seus primeiros passos, uma fotografia de uma menina acabou viralizando e sendo utilizada para várias brincadeiras, percorrendo os quatro cantos do mundo através da grande rede.

Publicidade

No registro viral, a Zoë Roth, que ficou conhecida mundialmente como “A menina do desastre” aparecia em primeiro plano dando um sorriso, e ao fundo bombeiros trabalhavam intensamente para conter o incêndio em uma casa vizinha que ela morava. A frieza e a postura “alegre” da garotinha que na época tinha 5 anos deixou todos impactados.

A foto de Roth passou a ser compartilhada milhares de vezes, e até hoje, passados 16 anos, ainda tem uma enorme repercussão, sendo utilizada em diversos tipos de memes. 

Publicidade

Ela cresceu

A menininha que ficou eternizada com cara malévola misturada com deboche cresceu. Atualmente, a jovem Zoë Roth tem 21 anos, e mudou bastante a sua aparência se transformando em uma mulher que desperta olhares.

Publicidade

Aproveitando a fama de sua imagem que viralizou em todo o mundo, Roth vendeu o eterno meme na última semana pela quantia de US$ 500 mil (R$ 2,7 milhões). Segundo ela, as cifras são o suficiente para ela para pagar dívidas estudantis, distribuir entre a sua família e doar para instituições de caridade.

Publicidade

A venda do meme se deu na última quinta-feira (29), em um leilão realizado. O colecionador chamado @3FMusic foi o responsável pela compra, pagando a quantia por meio de criptomoedas.

Minutos antes do meme viral

Em entrevista recente concedida ao BuzzFeed, Roth disse assistir televisão com a família em uma tarde de 2005, quando ouviu sirenes de bombeiros. Todos os parentes saíram para verificar o que estava acontecendo.

“A cerca de dois quarteirões de nossa casa, havia fumaça saindo e fomos ver o que estava acontecendo”, contou a jovem, que acabou sendo levada ao local do incêndio pelo pai, que era um fã de fotografias e havia recentemente adquirido uma câmera.

Ao chegarem no local, Zöe e o pai acharam que o incêndio era de verdade. Contudo, ao se depararem com o comportamento tranquilo dos bombeiros notaram que algo diferente estava ocorrendo.

Pouco tempo depois, eles souberam que os proprietários haviam doado a casa para o Corpo de Bombeiros para que a corporação fizesse um exercício de treinamento, criando um cenário de “incêndio controlado”. 

Diante disso, o pai de Roth tirou várias fotografias e a pose da menininha viralizou pelo mundo afora. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade