in

Presa 23 horas por dia: a terrível história da mulher que viveu por 7 anos sequestrada dentro de um caixão

A jovem foi sequestrada aos 20 anos após aceitar a carona de um casal.

UOL | Divulgação

Colleen Stan viveu momentos de horror durante 7 anos após ter sido sequestrada pelo casal Cameron e Janice. Colleen, que na época tinha 20 anos, estava a caminho da festa de aniversário de um amigo quando resolveu aceitar a carona do casal. No meio do caminho, a jovem percebeu que havia algo estranho, mas decidiu não seguir sua intuição.

Publicidade

Stan foi levada a Red Bluff, Califórnia, onde o casal morava. No local, a jovem foi abusada e torturada, sendo presa em uma espécie de caixão onde passava cerca de 23 horas por dia. De acordo com o site UOL, Cameron fez com que Colleen assinasse um suposto contrato que a obrigava a ser escrava do casal.

A terrível história que começou no ano de 1977 inspirou o filme A Garota da Caixa. Colleen passou 7 anos vivendo em uma caixa de 90 cm por 180, e só era libertada à noite para ser abusada e machucada. Um ventilador enviava ar para dentro do compartimento através de um pequeno buraco. Ainda assim, o caixão chegava a alcançar a temperatura de 38°C no verão.

Publicidade

Com o passar dos anos, Janice passou a se incomodar com os abusos. No ano de 1984, a esposa de Cameron levou Colleen até uma estação de ônibus e fugiu com as duas filhas do casal. A Justiça da Califórnia sugeriu que Colleen havia adquirido Síndrome de Estocolmo, já que teria se afeiçoado por seu sequestrador.

Publicidade

Sua vida vira um limbo quando você está sequestrada”, disse Colleen, que hoje tem 62 anos de idade. Cameron foi condenado há 104 anos de prisão e também respondeu pela morte de uma mulher desaparecida em 1976. Após o trauma vivido, Colleen se envolveu amorosamente por algumas vezes, mas nunca conseguiu êxitos nas relações.

Publicidade
Publicidade
Publicidade