in

Bruno, da dupla com Marrone, se defende após ter participado de festa em meio à pandemia

Cantor realizou show de festa de aniversário, descumprindo assim as normas do isolamento social.

Reprodução - Youtube

O cantor Bruno, que faz dupla com Marrone, esteve envolvido em um episódio de polêmica no último fim de semana. Em tempos de pandemia, onde o isolamento social é a principal alternativa para evitar a disseminação do novo coronavírus, o sertanejo esteve presente em uma festa realizando um show. 

Publicidade

O evento aconteceu no último sábado (27), em Caldas Novas, Goiás, e contou com a participação de mais de 40 pessoas. A Polícia Militar foi acionada e encerrou a confraternização, que contrariava o decreto municipal que proíbe aglomerações.

Em algumas fotos e vídeos publicados nas redes sociais, o cantor Bruno aparece se apresentando em um palco com seus músicos, e também tirou fotos com alguns participantes da festa. 

Publicidade

A defesa

Por intermédio de sua assessoria de imprensa, o cantor sertanejo emitiu uma nota divulgada pelo portal UOL, onde esclarece alguns pontos da polêmica. Segundo o comunicado, Bruno não estava mais presente na festa quando a Polícia Militar chegou, e que o artista foi contratado para tocar em um evento privado, classificado como uma “comemoração familiar”.

Publicidade

Gosta de música? Ouça clássicos das décadas de 70, 80 e 90 agora mesmo | CLIQUE AQUI

Publicidade

“Permaneceu no espaço por pouco mais de uma hora. Quando chegou soube que todos haviam feito teste para Covid-19. Acompanhado de três músicos, fez sua apresentação e deixou o local”, disse a assessoria do cantor.

Publicidade

De acordo com informações do jornal local Opção, a Polícia Militar chegou ao local após ter sido acionada por conta do barulho nas imediações da festa.

Ex-BBBs

Além de Bruno, a festa de aniversário ainda teve a presença de outros nomes conhecidos, como por exemplo, as ex-BBBs Ivy Morais e Anamara, a “Maroca”, além da Miss Ponta Grossa 2018.

Publicidade