in

Com semblantes sérios, Tadeu e Poliana dão a notícia mais triste do fim de semana

Apresentadores do Fantástico informaram que Brasil passou das 50 mil mortes por Covid-19.

Reprodução Globo

O fim de semana terminou e foi marcado por uma notícia muito triste relacionada a pandemia causada pelo novo coronavírus. Dados oficiais do Ministério da Saúde mostram que o país chegou a 50 mil mortes causadas pela Covid-19. O primeiro caso de óbito em decorrência da Covid-19 foi registrado em março.

Publicidade

A notícia mais triste do fim de semana foi dada ao vivo pelos jornalistas Tadeu Schmidt e Poliana Abritta, no Fantástico, exibido na noite deste domingo (21), pela Rede Globo. Com semblante sério, como o momento exigia, Tadeu e Poliana informaram aos telespectadores sobre as mortes causadas pela Covid-19.

Em todo o Brasil, o número de óbitos chegou a 50.617. Desse total, 641 foram registrados nas últimas 24 horas entre sábado e domingo, informou Tadeu. Logo em seguida, Poliana afirmou que o número de casos registrados no país é de 1,085 milhão. Nas últimas 24 horas, foram registrados 17.459 casos.

Publicidade

“Por causa da pandemia do coronavírus, o governo decidiu prorrogar por mais 15 dias as medidas que restringem a entrada de estrangeiros aqui no Brasil. A medida foi um recomendação da Anvisa e vale para qualquer meio de transporte: terrestre, aéreo ou aquaviário. A medida anterior com as normas para os estrangeiros tinha sido publicada no dia 22 de maio com validade de 30 dias.”, informou Tadeu.

Publicidade

O Brasil é o segundo país com o maior número de casos e de mortes em decorrência da Covid-19. Apenas os Estados Unidos registram mais casos e óbitos, de acordo com dados da universidade norte-americana John Hopkins.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!