in

Nova posição sobre prorrogação do auxílio chama a atenção: ‘R$ 600 por mais 2 ou 3 meses’

Presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia se posicionou em relação às parcelas extras do auxílio.

Caixa

Milhões de brasileiros que recebem o auxílio emergencial vivem a expectativa de o pagamento ser prorrogado por mais dois meses. A posição oficial do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e do ministro da Economia, Paulo Guedes, é de que haverá duas parcelas extras, mas o valor não foi revelado.

Publicidade

Presidente da Câmara, o deputado federal Rodrigo Maia (DEM-RJ), postou dois tuítes em que opinou sobre o assunto. O discurso de Maia nas redes sociais chama a atenção. Em sua opinião, o auxílio emergencial deveria ser mantido em R$ 600 e deveria haver o pagamento de mais duas ou três parcelas.

“A todos que me perguntam sobre o auxílio emergencial: sou a favor da prorrogação do auxílio de R$ 600 por mais 2 ou 3 meses. Todos os indicadores apontam uma forte queda da economia no terceiro trimestre”, escreveu o deputado federal. Maia disse ter certeza que sua posição é acompanhada pela maioria dos deputados.

Publicidade

“O governo não pode esperar mais para prorrogar o auxílio. A ajuda é urgente e é agora”, finalizou o deputado. O presidente e o ministro da Economia já deixaram claro que o valor será inferior a R$ 600. A princípio, pensava-se em R$ 300, mas nos últimos dias a ideia que teria ganhado força é a de pagar R$ 400.

Publicidade

Para que o auxílio emergencial tenha um novo valor, o Governo Federal terá que enviar novo projeto à Câmara dos Deputados. Se os 600 fossem mantidos, não precisaria de nova proposta enviada ao Legislativo. Cerca de 63,5 milhões de brasileiros têm direito ao auxílio emergencial, que começou a ser pago em abril.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!