in

Covid-19: Estados Unidos tomam nova decisão sobre o uso da hidroxicloroquina

Agência reguladora dos Estados Unidos decidiu suspender o uso dos remédios no tratamento a pacientes com Covid-19.

Revista Oeste

Em meio à pandemia do novo coronavírus, que atinge todo o mundo, a hidroxicloroquina, remédio usado há anos para tratar diversas doenças, chegou a ser apontada como solução para a Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus. As evidências científicas, porém, ainda estão em estudo.

Publicidade

Nesta segunda-feira (15), a Food and Drug Administration (FDA), agência reguladora de medicamentos nos Estados Unidos, suspendeu o uso emergencial da hidroxicloroquina no tratamento aos pacientes diagnosticados com a Covid-19. A decisão está repercutindo nas redes sociais.

A FDA havia autorizado o uso da substância no tratamento a pacientes. À época, o comissário da agência, Stephen Hahn, afirmou que a decisão havia sido baseada em evidências científicas e na avaliação de critérios dos Estados Unidos.

Publicidade

Em nova decisão, a FDA argumenta que a hidroxicloroquina não atende aos critérios legais para autorização de seu uso de forma emergencial. A cientista chefe da FDA, Denise Hinton, escreveu para a Autoridade de Pesquisa e Desenvolvimento Biomédico Avançado (Barda), Gary Disbrow.

Publicidade

“Não é mais razoável acreditar que as formulações orais de hidroxicloroquina e cloroquina podem ser eficazes no tratamento da covid-19, nem é razoável acreditar que os benefícios conhecidos e potenciais desses produtos superem seus riscos conhecidos e potenciais”, afirmou Denise.

Publicidade

No Brasil, a hidroxicloroquina tem como grande defensor o presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), e tem gerado discussões acaloradas entre apoiadores e críticos do chefe do Executivo.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!