in

Professora faz sucesso ao criar máscaras divertidas para proteger crianças da Covid-19

Acessório que cobre todo rosto, faz referências a personagens famosos que os pequenos amam.

G1/Montagem

Uma professora teve uma ideia muito criativa para ajudar as crianças a se protegerem contra o novo coronavírus. A educadora Mônica Aparecida de Borba, de 45 anos, criou um acessório muito divertido para os pequenos. A máscara é tipo face shield, cobre o rosto todo e ainda faz referência ao mundo dos heróis, algo que as crianças amam.

Publicidade

Homem-Aranha, Mulher-Maravilha e Batman são alguns dos temas abordados no acessório. A máscara que é feita de acrílico vem acompanhada de um pano, item essencial para garantir a proteção. A professora contou que começou a fazer as máscaras para as crianças da família, porém, as pessoas gostaram e os pedidos foram chegando cada vez mais. A produção acabou se tornando uma atividade que complementa a renda familiar.

Cada acessório é vendido por R$ 20 e a docente celebra: “Já vendi umas 60 máscaras”. “Pensei em uma forma mais divertida, então, é uma máscara que eles podem usar, se identificar e ainda brincar com elas”.

Publicidade

Jéssica Ferreira, mãe da pequena Maria Fernanda, disse que a filha tinha muita dificuldade em fazer uso da máscara de proteção. Mas, com esse acessório criado pela professora, todo acaba fazendo parte de uma brincadeira. E como a criança não tem os mesmos cuidados de uma pessoa adulta, a ideia foi algo genial.

Publicidade

Nesta última sexta-feira, 05 de junho, a OMS – Organização Mundial de Saúde, divulgou novas regras para a fabricação de máscaras de pano usadas para a proteção da Covid-19. A entidade ampliou as circunstâncias em que o acessório precisa ser usado e deu detalhes sobre os materiais que realmente funcionam melhora para conter a disseminação da enfermidade.

Publicidade

As máscaras de proteção têm sido muito importante para evitar a proliferação da doença. Contudo, é importante ressaltar que os hábitos de higiene precisam ser reforçados. É necessário lavar as mãos com água ou se não for possível fazer o uso do álcool gel 70%. A prevenção é o melhor remédio, já que ainda não existe um remédio e nem vacina contra a Covid.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Shyrlene Souza

Redatora na web desde 2016, formada em ciências contábeis, apaixonada pela redação desde criança. Escrevo sobre assuntos diversos, famosos, maternidade e notícias que se destacam no Brasil e no mundo.