in

Bolsonaro confirma mais duas parcelas do auxílio emergencial: ‘menor que os R$ 600’

Presidente confirmou durante live que haverá o pagamento de mais duas parcelar do auxílio.

Flickr Alan Santos / Caixa

O auxílio emergencial começou a ser pago pelo governo federal no mês de abril. A última das três parcelas prometidas será depositada na conta dos beneficiários neste mês de junho. Há muita expectativa sobre o pagamento de novas parcelas e o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) comentou sobre isso em live nesta quinta-feira (4).

Publicidade

Segundo o presidente, haverá mais duas parcelas do auxílio emergencial, que tem beneficiado desempregados de baixa renda, autônomos e recebedores do Bolsa Família. Segundo Bolsonaro, os novos pagamentos estão acertados com o ministro da Economia Paulo Guedes.

“Vai ser menor do que os R$ 600, para ir partindo exatamente para um fim, porque cada vez que nós pagamos esse auxílio emergencial, dá quase R$ 40 bilhões. É mais do que os 13 meses do Bolsa Família. O Estado não aguenta. O Estado não, o contribuinte brasileiro não aguenta. Então, vai deixar de existir”, afirmou o presidente.

Publicidade

Bolsonaro também disse que espera que o comércio volte a funcionar e que os trabalhadores informais e que os ficaram desempregados por causa da paralisação das atividades durante a pandemia do novo coronavírus voltem a trabalhar.

Publicidade

O Brasil vive um momento de retração na economia e a estimativa é de PIB negativo neste ano de 2020. No ano passado, foram gerados cerca de um milhão de empregos, entre formais e informais, e o governo federal tinha expectativa de que o país continuasse crescendo. A pandemia, porém, paralisou parte das atividades econômicas e muitas empresas demitiram seus funcionários.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!