in

Família abre caixão lacrado durante velório e pessoas são contaminadas com Covid-19

Exame revelou que vítima morreu em decorrência da Covid-19 e caixão era fechado.

Getty Images /

A pandemia causada pelo novo coronavírus já matou mais de 12 mil pessoas em todo o Brasil, de acordo com informações oficiais do Ministério da Saúde, divulgadas na terça-feira (12). O número aumenta a cada dia e os casos estão longe de diminuírem em todo o Brasil. A tendência dos próximos dias é de aumento no número de mortes.

Publicidade

Na quinta-feira (7), uma pessoa morreu com a síndrome respiratória aguda grave, na Santa Casa de Valença, na Bahia. A vítima era da cidade vizinha Cairu, no baixo-sul do estado. Por ordem da Secretaria de Saúde da cidade, apenas 12 pessoas compareceram ao velório e enterro, mas o pior aconteceu.

Familiares em luto com a morte do ente querido decidiram abrir o caixão. Pessoas que morrem com suspeita de Covid-19 são enterrados em caixão lacrado e a abertura não é permitida no velório. A abertura do caixão virou um grave problema de saúde na cidade.

Publicidade

A secretaria realizou exames nos familiares que compareceram ao velório depois que saiu o resultado do exame feito na vítima. O resultado divulgado na segunda-feira (12) confirmou a contaminação pela Covid-19 na pessoa morta. Os familiares tiveram que ser convencidos a fazer o exame. Eles não queriam.

Publicidade

O resultado dos 12 testes foi divulgado e cinco deles testou positivo para a Covid-19. A prefeitura de Cairu informou que passou às famílias todas as informações para realização do sepultamento seguro. Em nota, disse ainda que está monitorando as pessoas próximas à vítima para saber se mais alguém foi contaminado pela Covid-19.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!