in

Reforço para Renato? Grêmio mira ‘negócio da China’ ao monitorar Hulk de perto

Atacante defende o Shangai SIPG, da China, e contrato termina no fim do ano.

Getty Images

O futebol brasileiro está paralisado devido a pandemia causada pelo novo coronavírus, mas os clubes seguem movimentando os bastidores. Um exemplo disso é o Grêmio. O Tricolor, que teme prejuízo milionário por causa da suspensão das competições, segue de olho no mercado de transferências.

Publicidade

Depois da contratação frustrada de Diego Tardelli para 2019 e de André não ter engrenadao, o time de Renato Portaluppi estaria em busca de um homem gol. No momento, Diego Souza é o centroavante titular da equipe que disputa Copa Libertadores da América e outros torneios importantes. 

De acordo com informações do portal Goal, o Grêmio está monitorando a situação do atacante Hulk. O jogador disputou a Copa do Mundo de 2014 pela seleção brasileira e defende o Shangai SIPG, da China, atualmente. O contrato de Hulk com o clube chinês termina no fim do ano.

Publicidade

Existe uma cláusula contratual que permite que o vínculo seja renovado por mais uma temporada. Além do Grêmio, outras equipes brasileiras estão à procura do atacante: São Paulo, Palmeiras e Atlético-MG são alguns deles. Para todos, o negócio é muito difícil.

Publicidade

Hulk concedeu entrevista ao Globo Esporte e falou sobre seu futuro. “Não sei se fico na China. Particularmente estou muito feliz em Xangai. Se tiver que ficar na China por ser o melhor para mim, estarei bem. Se tiver que ir para Europa também estarei bem e vai ser bom para mim. E se tiver que voltar para o Brasil com certeza voltarei feliz também”, pontou o atacante, deixando claro que qualquer caminho que seguir o fará feliz.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!