in

Por onde anda a dupla MC Serginho e Lacraia, donos do hit ‘Éguinha Pocotó’

R7

Em 2002, quando o Brasil vivia o auge do funk, vários cantores solos, duplas e grupos do gênero musical surgiram no mercado, deixando hits na história. Dentre eles estão MC Serginho e Lacraia. A dupla formada pelo cantor e o dançarino fez sucesso com músicas como Vai Lacraia e Éguinha Pocotó, dentre outras.

Publicidade

Os dois fizeram shows por todo o Brasil e emplacaram vários hits, até que em 2009, Lacraia pediu para deixar a dupla, pois estava se sentindo muita cansada da rotina de apresentações e queria se tornar DJ.

Sergio continuou a carreira e com o tempo encontrou um substituto para Lacraia: Gazela, um dançarino muito parecido com lacraia. Em 2011, a notícia da morte de Lacraia surpreendeu muita gente, já que não era sabido que o dançarino estava doente. Na época, inclusive, a causa da morte não foi divulgada.

Publicidade

Quatro anos mais tarde, sua mãe, Dona Maria Alice da Silva, contou em entrevista ao Ego que o filho sofreu muito preconceito, sendo hostilizado na rua por ser gay. Segundo a genitora de Marcos Aurélio, nome de batismo do artista, ele teria sido mais feliz se vivesse nos dias atuais, onde há mais liberdade e diversidade.

Publicidade

Ela também contou o quanto o filho se sentia infeliz. Mesmo com o sucesso da dupla e viajando o Brasil para shows, quando estava em casa, deitava no chão ou ficava no quarto quieto e pensativo. A alegria que ele demonstrava nos palcos em nada parecia com o rapaz triste em casa.

Publicidade

Lacraia tratava uma tuberculose, doença que o levou a morte após complicações que geraram falência múltipla de órgãos e parada respiratória. Seu enterro foi marcado pela comoção dos fãs, que aplaudiram e cantaram em homenagem ao dançarino que dedicou seu trabalho a levar alegria as pessoas.

Serginho ficou muito abalado com a morte de Lacraia, que era seu amigo de longa data. Meses depois do ocorrido, ele voltou aos palcos e tinha com ele Gazela e uma dançarina plus size, mas depois de um tempo acabou desistindo de tê-los e investiu na carreira solo. Primeiro porque as coisas não eram mais as mesmas no mercado e no funk e Gazela passou a ser muito comparado com Lacraia, pois de fato de pareciam muito fisicamente.

Até hoje Serginho canta pelos bailes e casas noturnas, mas só quem frequenta esses círculos sociais que conseguem acompanhar a carreira do artista, já que o tipo de música que ele canta já não faz mais sucesso nas rádios, que estão mais voltadas para o sertanejo, arrocha e sofrência. O cantor já declarou em entrevistas que sente a presença de Lacraia nos shows.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Guti M

Redator de entretenimento e curiosidades