in

Escolas públicas de Nova York ficarão fechadas pelo resto do ano letivo

Instagram - @NYCSchools

Com vistas à grande pandemia proveniente do coronavírus em boa parte do mundo, alguns países tomam medidas drásticas na tentativa de conter a grande expansão da doença, que consequentemente já atinge nações poderosas, como Estados Unidos da América, Itália, França e Espanha.

Publicidade

Com isso, a cidade de Nova York resolveu tomar uma decisão que de certa maneira surpreendeu a muitas pessoas, porém parece ser o mais sensato a se fazer devido o grande alcance que a doença vem tendo no país americano, que é a de determinar que todas as escolas públicas fiquem fechadas pelo resto do ano letivo.

Vale lembrar que a cidade citada é a que possuí o maior sistema educacional do país, o que faz com que a iniciativa venha a atingir mais de 1 milhão de estudantes, mas o importante é que eles não ficarão sem estudar, pois as aulas que seriam ministradas nas escolas seguem de forma online, por meio de plataforma de ensino a distância.

Publicidade

O anuncio tão impactante veio por meio do prefeito da cidade, Bill de Blasio, que informou ser necessária a medida, para que assim as crianças americanas possam estar mais protegidas da doença, que por sinal vem atingindo boa parte da população, o que torna o país a nação com maior número de casos.

Publicidade

O intuito maior da medida acatada pelo governo é aumentar o isolamento social da população e fazer com a contaminação do coronavírus seja controlada no país, o que começou desde o dia 15 de março, quando as aulas das escolas públicas haviam sido suspensas por prazo indeterminado.

Publicidade
Publicidade
Publicidade