in

Pai, mãe e seus 11 filhos são infectados com coronavírus: ‘Foi um momento difícil’

Clarin

O novo coronavírus surgiu em meados de dezembro na China e logo se expandiu para todo o mundo. Mais de um milhão de pessoas já foram infectadas com o vírus mortal. A Itália está no topo da lista com mais mortes causadas pelo vírus seguido por Espanha e Estados Unidos. Até o momento não existe uma vacina especifica para a doença.

Publicidade

Em meio a essa pandemia, um casal e seus onze filhos se recuperaram com sucesso após serem infectados com o coronavírus (COVID-19). Todos os membros desta família adoeceram consecutivamente após a mãe das crianças ser infectada com o vírus.

Essa grande família juntou-se às mais de 30.500 pessoas que já se recuperaram na Espanha desde o início da pandemia e sofreram confinamentos muito especiais, de acordo com o Diario de Castilla y León.

Publicidade

Cadeia de infecção familiar

Irene, a mãe, foi a primeira a ficar doente e depois seu esposo, José María. Ambos foram os que sofreram os sintomas mais fortes, como dores musculares e problemas respiratórios.

Publicidade

Em 4 horas, descobrimos que eu havia testado positivo. Quando eles me disseram que eu tinha que me isolar em um quarto com banheiro, eu ri, o vírus já estava flutuando pela casa. De fato, meu marido já estava começando a se sentir mal”, disse Irene.

Publicidade

Uma a uma, as crianças foram sendo infectadas. São eles: Carmen, de 15 anos, Fernando, que completou 14 anos, Luis, de 12 anos, Juan Pablo, de 11 anos, os gêmeos Miguel e Manuel, de 10 anos, Álvaro, de 8 anos, Irene, de 5, Alice, 4, Helena, 3, e José María, de 1 ano.

Para lidar com o confinamento, cada membro desta família recebeu uma tarefa doméstica e uma meta pessoal que beneficia a todos.
Os avós das crianças ajudavam em levar mantimentos para a família. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Francisco Nunes

Barbeiro profissional.