in

Ministro de Bolsonaro diz que vai cassar concessão da Globo: ‘ela não sobrevive até 2023’

Veja

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, do governo do presidente Jair Bolsonaro, garantiu que a concessão da Rede Globo de Televisão será cassada. A informação foi dada pelo ministro em uma live com o deputado federal Eduardo Bolsonaro. O ministro, que também nesta segunda-feira, 6 de abril, criou uma polêmica com o governo chinês ao publicar um desenho considerado racista, dá até data para o fim da Globo.

Publicidade

De acordo com Abraham, a emissora da família Marinho não sobreviveria até 2023. “Tem uma rede de televisão que ela não sobrevive até 2023. Ela deve aos tubos, porque não pagou imposto, não vai ter certidão negativa pra renovar concessão”, começa o ministro ao falar sobre o assunto, que teve grande repercussão na internet.

“Ou ela paga um buzilhão de imposto que ela nunca teve que pagar ou ela não renova concessão, porque não vai ter certidão negativa”, garantiu o Ministro, falando que a maior TV do país não sobreviveria no ar os próximos anos.

Publicidade

O Ministro do governo Bolsonaro confirma que a cúpula do presidente estaria buscando formas para tirar a concessão da emissora. Atualmente, apenas o Congresso Nacional pode decidir pela renovação ou não de uma concessão de televisão. A medida, imposta na constituição, foi criada após a ditadura e visa, justamente, a ação de um ou outro governante autoritário.

Publicidade

Em 2016, a câmara dos deputados fez mudanças na lei de concessão, o que acaba flexibilizando as autorizações para se postergar uma licença para uma emissora de rádio e televisão continuar no ar.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.