in

Morre mais um grande famoso, vítima do novo coronavírus

Fotomontagem: Bruno Avila / Freepik / sbrafh.org

O novo coronavírus se tornou uma pandemia mundial e, dentre tantas vítimas no mundo todo, alguns famosos estão partindo em decorrência do contágio pela doença Covid-19. Estudos já dizem que é a doença que mais mata no mundo.

Publicidade

A atenção da população neste momento tem que ser grande, para que não hajam tantas novas vítimas pelo novo coronavírus. Nesta sexta-feira, 3 de abril, foi confirmada a morte de mais um famoso pela trágica doença.

Trata-se de um conhecido quadrinista argentino, que fazia muito sucesso, especificamente na Europa, a ponto de ter chegado a morar por muitos anos na Espanha. Juan Gimenez tinha 76 anos e foi mais uma vítima na estatística do novo coronavírus.

Publicidade

O idoso estava internado na cidade de Mendonza, na Argentina, com intuito de tratar a doença Covid-19. Juan não resistiu as complicações da doença e causou um grande estado de luto.

Publicidade

Mesmo com 76 anos, o famoso continuava trabalhando. Ele era responsável por capas de alguns CDs e ainda fazia o que mais gostava: quadrinhos. Por meio de ilustrações, Juan também se destacava nos mundos dos games e filmes. O quadrinista era um dos concept artists e mostrava como seria o visual em tela do produto final.

Publicidade

O famoso Juan Gimenez não terá seu corpo velado, assim como está sendo com as outras vítimas do novo coronavírus. A intenção das autoridades ao proibir este culto quando pessoas vítimas da doença morrem é para proteger os familiares e pessoas próximas. Ainda não se conhece totalmente o vírus e nem como ele poderia ser transmitido, mesmo depois da pessoa ter morrido.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Bruno Avila

Redator de futebol, política e famosos desde 2016. Hoje um dos redatores mais lidos do 1News Brasil. Fique à vontade para falar comigo: brunoavilaprof@outlook.com