in

Luto na música: morre mais um artista por causa do coronavírus

Area Vip

Desde que o coronavírus se tornou uma pandemia, o número de morte tem aumentado de forma exponencial, de forma a preocupar até mesmo as organizações de saúde. Até o momento, foram registrados milhares óbitos em todo o mundo.

Publicidade

Na última quarta-feira (01/04), a Covid-19, provocada pelo coronavírus, tirou a vida de mais uma pessoa, dessa vez um grande artista do cenário musical. Trata-se de Ellis Louis Marsalis Jr., que era pianista e bastante conhecido por seu trabalho.

 Marsalis Jr tinha 85 anos e não conseguiu sobreviver ao coronavírus. Brandford, que é saxofonista e filho do artista se declarou para ele após sua morte: “Meu pai era um gigante como músico e como professor, mas ainda maior como pai“, disse.

Publicidade

No final do século 20, Ellis era considerado um dos pais do jazz. O prefeito de Nova Orleans, onde o artista se manteve em grande parte de sua carreira, homenageou o pianista: “Ellis Marsalis era uma lenda. Ele foi o protótipo do que queremos dizer quando falamos sobre o jazz de Nova Orleans“.

Publicidade

Ellis não foi o único artista vítima fatal do coronavírus. Há alguns dias, foram anunciadas também as mortes do dramaturgo Terrence McNally, do saxofonista Manu Dibango, lenda do jazz, do arquiteto Vittorio Gregotti, do ator Mark Blum e do desenhista Daniel Azulay.

Publicidade

No último dia 31, morreu também o ator Andrew Jack, que era muito famoso por atuar nos filmes ‘Star Wars: O despertar da força’ e ‘Star Wars: Os últimos Jedi’. Na saga ele interpretava o personagem Caluan Ematt.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Aurilane Alves

Escrevo sobre os assuntos mais bombados do momento, famosos, curiosidades, notícias em geral. Pode entrar em contato comigo por meio do Instagram @paolla.evellyn