in

Sete pessoas da mesma família se curam da covid-19 no Rio de Janeiro

R7

O novo coronavírus tem feito vítimas por onde passa, mas ficar infectado pela Covid-19 não significa a morte. A grande maioria dos casos evolui de forma positiva. Uma família de Niterói, no Rio de Janeiro, por exemplo, viu sete integrantes ficarem contaminados com o vírus que assusta o mundo. No entanto, como mostra uma matéria do portal de notícias R7, publicada nesta quarta-feira, 1 de abril, todos já foram curados. 

Publicidade

De todos os integrantes da família niteroiense, apenas uma idosa, de 91 anos (a matriarca da família) está internada e isso acontece por precaução. No entanto, os exames de sangue dela confirmam que ela não tem mais o vírus que colocou meio mundo em quarentena e que, além das perdas de vidas tem mexido com a economia. 

O empresário Raphael Freire de Carvalho, de 39 anos, conversou com a TV Record no Rio e contou que,  de todos os familiares, ele foi o primeiro a ter os sintomas. Eles eram os mais descritos até aqui, a falta de ar e febre. Uma das funcionárias de Raphael teria viajado até o Nordeste durante o Carnaval. 

Publicidade

Além disso, ele também teve contato com parentes que viajaram aos Estados Unidos, que agora são o epicentro da doença no mundo. Só de ontem para hoje, o país do presidente Donald Trump teve mil mortes confirmadas pela doença. No mundo, já são quase 50 mil óbitos. 

Publicidade

Após o diagnóstico de Raphael, outras pessoas da família passaram por exames e, ao todo, sete delas foram contaminadas. A quarentena obrigatória deles terminou no último domingo e todos são considerados curados. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.