in

Empresa de Luciano Huck dispensa mais de 400 funcionários pelo WhatsApp

TV Globo / Montagem / Facebook

O apresentador Luciano Huck é considerado um dos nomes mais conhecidos da televisão do Brasil. Ao longo dos anos, ele ficou conhecido pela fama de ajudar os mais pobres com seus quadros na telinha, como ‘Lar doce Lar’ e ‘Lata Velha’. No entanto, Luciano Huck, que chegou a fazer críticas ao presidente Bolsonaro pela postura em meio à pandemia, tomou uma decisão polêmica, como mostra uma matéria do site da Fórum.

Publicidade

Em matéria publicada nesta quinta-feira, 1 de abril, é revelado que uma empresa ligada a Luciano Huck teria demitido mais de 400 pessoas em meio à pandemia. A empresa ajuda várias pessoas a encontrarem emprego, sendo uma espécie de “explicador”. Como não está podendo existir contato entre as pessoas, esses explicadores foram desligados da empresa. 

Além de um dos empresários e sócios, Luciano Huck é garoto propaganda da empresa. Para piorar a situação, as centenas de funcionários demitidos ficaram sabendo da situação por meio da internet. 

Publicidade

Em um recado recebido pelo WhatsApp, a empresa diz que a dispensa ocorreu porque o governo mandou que estabelecimentos como esse não funcionem em meio à pandemia do coronavírus. A doença já matou mais de 200 pessoas em todo o Brasil e quase sete mil brasileiros estão infectados com a Covid-19. 

Publicidade

Os mais de quatrocentos professores que trabalham, ou trabalhavam, para as 37 unidades do grupo, são microempreendedores individuais, os MEI. Ou seja, na prática, são pequenas empresas com um contrato de serviço. Pelo menos, elas agora vão poder contar com uma ajuda não da empresa de Luciano Huck, mas do governo federal. Isso porque MEIs receberão uma ajuda de R$ 600 ao mês, por três meses, do governo.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.