in

Famoso cantor brasileiro fica em estado grave por Covid-19 e tudo é mantido em segredo

Fotomontagem: Bruno Avila/Marcello Casal jr/Agência Brasil / pngwing / cmfor

A pandemia causada pelo novo coronavírus vem afetando diretamente o Brasil, ocasionando diversos casos em Unidades de Terapia Intensiva (UTI). Para isso, o Governo trabalha para reforçar as unidades de atendimento.

Publicidade

No Brasil, o vírus não tem sido tão letal quanto na Itália, porém, continua sendo extremamente letal. E assim como aconteceu em outros países, no Brasil também há famosos que se tornaram vítimas do novo coronavírus. Recentemente, o desenhista Daniel Azulay faleceu em decorrência da Covid-19.

Um outro famoso revelou que teve a doença e que havia decidido manter toda a situação em segredo, por opção. Trata-se do conhecido de Samba, Leandro Lehart, que havia organizado o Samba Cura Livre.

Publicidade

O sambista foi ao hospital e acabou ficando durante seis dias na UTI, em estado grave. Lehart relatou que teve uma pneumonia em decorrência da Covid-19 e teve “dias terríveis“. 

Publicidade

Tive que silenciar… Queria dizer que silenciei por opção, eu achei que era mais importante ficar quieto, mas hoje eu estou em casa, estou em alta e feliz”, disse o sambista, explicando o motivo pelo qual escolheu manter a doença em segredo.

Publicidade

View this post on Instagram

Comunicado aos fãs.

A post shared by Leandro Lehart (@leandrolehart) on

Outros famosos foram contaminados com a Covid-19

Grande parte dos primeiros diagnosticados com a doença Covid-19 no Brasil foram conhecidos do público. Isso porque, um dos primeiros centros de disseminação do vírus foi no casamento da irmã da famosa Gabriela Pugliesi. Lá tinha um infectado.

No casamento, Pugliesi ficou infectada e alguns outros convidados, dentre os afetados estava a cantora Preta Gil. O cantor Di Ferrero também foi um dos primeiros famosos a testar positivo para a doença.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Bruno Avila

Redator de futebol, política e famosos desde 2016. Hoje um dos redatores mais lidos do 1News Brasil. Fique à vontade para falar comigo: brunoavilaprof@outlook.com