in

Cronograma: autônomos que contribuem com o INSS receberão o coronavoucher de R$ 600

Veja

Onyx Lorenzoni, ministro da Cidadania, já informou que o cronograma para pagamento do coronavoucher irá beneficiar primeiramente as famílias que já estão recebendo o Bolsa Família, sendo que estas pessoas poderão escolher o valor que for mais vantajoso para elas.

Publicidade

Em seguida o governo começará a liberar esse auxílio emergencial para aqueles trabalhadores informais que já estão cadastrados no CadÚnico, no qual estão agregados os beneficiários dos vários programas sociais.

Depois serão beneficiados os MEI – Microempreendedores Individuais e também autônomos que já contribuem com o INSS. por último o benefício será pago aos trabalhadores informais que não estão cadastrados no CadÚnico.

Publicidade

Um ponto que vem sendo criticado neste projeto do governo é que os trabalhadores que hoje não recebem nenhuma assistência social serão os últimos a receberem o benefício. Aqueles que não estão cadastrados no CadÚnico devem receber os R$ 600 somente na segunda quinzena de abril, se não houver atraso.

Publicidade

O grupo considerado mais vulnerável será o último a colocar as mãos no dinheiro e o motivo para isto é que eles não estão cadastrados no sistema do governo. O Ministério da Cidadania poderá validar uma autodeclaração de renda, para que os interessados possam usar e assim ter direito ao auxílio emergencial.

Publicidade

Maia é um dos que não estão satisfeitos com essa demora, ele chegou a dizer: “Se é um apoio emergencial, 16 de abril não parece tão emergencial para os brasileiros que estão precisando estão precisando dos recursos”.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Russel

Sempre ligado a tudo que acontece no Brasil e no mundo, estou sempre trazendo as últimas notícias sobre o mundo dos famosos, reality shows, filmes, músicas, novelas e programas de televisão de um modo geral. Aqui você ficará sempre muito bem informado. Se quiser entrar em contato, fique à vontade: russelmy@yahoo.com.br