in

Denílson não fica em cima do muro e diz que medalhão não deveria jogar mais no São Paulo

Divulgação: São Paulo

O ex-jogador Denílson, atualmente comentarista no programa Jogo Aberto, da Band, foi entrevistado pelo programa Fox Sports Rádio, do canal Fox Sports, na TV fechada, e falou sobre diversos assuntos. Ex-craque do São Paulo, o hoje comentarista analisou a equipe comandada por Fernando Diniz.

Publicidade

Antes da pausa do futebol devido à pandemia causada pelo novo coronavírus, o São Paulo vinha apresentando um bom futebol. O time montado por Fernando Diniz parece ter engrenado e começa a mostrar um futebol ofensivo. A última partida antes da pausa foi a vitória sobre o Santos, pelo Paulistão, por 2 a 1. Os gols foram marcados por Pablo, que acumulava um jejum de gols e era cobrado pela torcida.

Para Denílson, um medalhão que deve deixar o São Paulo é Hernanes. O meio-campista, fundamental em 2017, voltou a equipe e está longe de mostrar um bom futebol. Ele não se firmou na equipe titular e quando entra não mostra o futebol que a torcida sempre viu nele.

Publicidade

“O Hernanes não dá uma dinâmica e uma movimentação para o meio e o ataque do São Paulo. Com todo respeito ao jogador que já foi muito importante para o Tricolor, mas os atletas não tem o mesmo rendimento com ele em campo como tem com o Igor Gomes. Tchê Tchê e Daniel Alves cresceram muito quando Hernanes foi para o banco e o Igor começou como titular”, afirmou Denílson.

Publicidade

Hernandes ainda tem contrato com o Tricolor e devem cumpri-lo. A não ser que o jogador e o clube cheguem a um acordo. Hernanes parece ter esperança de que voltará a jogar um bom futebol. No momento, Igor Gomes tem dominado o meio-campo e é titular com grande sobra.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!