in

Amoroso joga tudo no ventilador e responsabiliza Mano por Grêmio perder final da Libertadores

Divulgação Grêmio

Campeão da Copa Libertadores da América pelo São Paulo, em 2005, o atacante Amoroso fazia parte do elenco do Grêmio que chegou à decisão em 2007. O Tricolor enfrentou o Boca Juniors na decisão da competição continental naquele e acabou derrotado nas duas partidas.

Publicidade

A decisão daquele ano era muito importante para a torcida do Grêmio. Em 2004, o Tricolor havia sido rebaixado no Campeonato Brasileiro. Subiu de forma heroica em 2005 e deu início a uma grande arrancada que quase terminou com o título continental em 2007.

Naquela ocasião, o Grêmio buscava o tricampeonato continental para se igualar ao São Paulo, única equipe brasileira que tinha três títulos da Libertadores naquela ocasião. Para Amoroso, Mano Menezes foi um dos grandes culpados pela perda do título.

Publicidade

O ex-atacante deu entrevista exclusiva ao jornalista Ricardo Martins, do Esporte Interativo, e falou sobre os bastidores do primeiro jogo da final, disputado na Bombonera, em Buenos Aires. Amoroso não jogou aquela partida e acompanhou do camarote.

Publicidade

“O Riquelme não estava jogando nada, porque o Sandro Goiano está marcando muito. Mas o Sandro foi expulso e aí o Riquelme começou a jogar, dar tapa daqui, dali, fizeram 1×0 no primeiro tempo de bola parada e complicou”, contou Amoroso, referindo-se ao volante do Tricolor.

Publicidade

Amoroso desceu para o vestiário no intervalo e teria feito uma sugestão para Mano Menezes. “‘Professor, vamos tirar um atacante. Tira o Carlos Eduardo e bota o Schiavi’. Schiavi babando pra jogar, com sangue nos olhos por ser ex-Boca. Vamos perder só de 1×0, segurar e depois tentar virar no Olímpico. Aí o Mano não quis e tomamos três. Pra virar depois era complicado”, afirmou Amoroso. Na partida de volta, o Boca Juniors venceu por 2 a 0, com dois gols de Riquelme marcados no segundo tempo.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Diogo Marcondes

Jornalista formado desde 2015. Jornalista por vocação desde que nasceu. Redator da i7 Network. Aqui escrevo sobre política, futebol, TV & famosos e qualquer outro assunto que esteja repercutindo no Brasil e no mundo.
Entre em contato comigo pelo @DiogoMarcondes no Twitter!