in

Especialista revela se é possível contrair o novo coronavírus duas vezes

Divulgação/PaiseFilhos

Muitas dúvidas têm surgido em virtude da pandemia do novo coronavírus. Principalmente, devido à gravidade e proporção que a doença vem tomando no mundo inteiro. Como a Covid-19 é uma enfermidade nova, questionamentos acabam sendo frequentes. Uma pergunta que muitos têm feito é se uma pessoa pode contrair a doença duas vezes.

Publicidade

Essa dúvida apareceu depois que uma japonesa que já havia recebido alta foi diagnosticada com o coronavírus. O infectologista da Beneficência Portuguesa de São Paulo, João Prats, esclareceu algumas dúvidas em relação ao assunto. “Nós não acreditamos em uma reinfecção da doença, os casos que aconteceram são pontuais, são pessoas que ficaram com o vírus no nariz por um tempo mais longo”, explicou o especialista.

Isso quer dizer que provavelmente a paciente não tenha se curado completamente, apenas tenha reduzido os sintomas e alguma coisa fez com que a situação piorasse posteriormente. O médico explicou que depois de uma pessoa ser infectada, o organismo cria imunidade que vai impossibilitar que se contraia a doença novamente.

Publicidade

Contudo, ele explicou que nada impede que o vírus sofra uma mutação e no ano seguinte volte diferente, como acontece com a gripe. Neste caso, a pessoa pode ser infectada novamente com o novo coronavírus, mas o quadro vai ser mais leve, pois o corpo já tem uma imunidade maior.

Publicidade

O médico destacou que o Brasil está na terceira fase de transmissão, que é conhecida como comunitária. Isso quer dizer que o vírus já está circulando livremente pelo país. Por esse motivo, os casos de Covid-19 tendem a subir. No entanto, o especialista reforçou que as medidas necessárias para evitar a disseminação estão sendo tomadas, fazendo referência a quarentena orientada pela OMS – Organização Mundial de Saúde.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade