in

‘É duro lidar com um vírus e um verme, simultaneamente’, diz Haddad

Veja / Montagem

Ex-candidato à presidência, o professor Fernando Haddad, usou as redes sociais para falar sobre a crise do coronavírus e aproveitou para alfinetar seu opositor em 2018, o presidente Jair Bolsonaro. “É duro ter que lidar com um vírus e um verme, simultaneamente”, disse o político por meio de seu perfil na internet. 

Publicidade

Haddad não cita Bolsonaro no post, mas o golpe foi sentido por apoiadores e opositores do presidente do Brasil, que tem sido mal avaliado em pesquisas quando o assunto é a COVID-19. Uma pesquisa divulgada nesta segunda-feira, 23 de março, mostra que a avaliação positiva de Bolsonaro é bem menor do que a do Ministério da Saúde e dos governadores, com quem tem confrontado frequentemente. 

Veja abaixo a publicação feita por Fernando Haddad em seu Twitter, que para os internautas teria sido uma indireta ao atual presidente do Brasil, Jair Bolsonaro.

Publicidade

Algumas pessoas disseram que,  caso o Brasil fosse agora governado pelo PT, que as coisas seriam diferentes. “Professor, penso em você há 1 ano e meio todo dia.
Pode ser amor, mas acho que é só desespero’,
disse um seguidor favorável ao político, que no passado foi prefeito do município de São Paulo.  

Publicidade

Outras pessoas, no entanto, discordaram da frase de Haddad, que chamou a atenção de muita gente. “Duro mesmo é ter que lidar com um monte de vagabundos que, por décadas roubaram o país e, que ficam o tempo todo dando uma de bonzinhos; doidos para voltarem ao poder para roubarem de novo’, disse um dos internautas ao comentar a publicação. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.