in

Doméstica de 63 anos passa mal no trabalho, vai ao hospital e morre com coronavírus

Pragmatismo Político

Um caso está intrigando boa parte da população. Uma doméstica de 63 anos morreu em Miguel Pereira, no Rio de Janeiro. A moça estava com sintomas do novo coronavírus e, posteriormente, foi confirmado que realmente ela estava infectada com o Covid-19.

Publicidade

O que mais surpreendeu é que a doméstica idosa foi contaminada por sua própria patroa, que havia testado positivo para o Covid-19. A senhora tinha voltado recentemente da Itália e, após ter se contaminado, teve contato com a doméstica, que possivelmente contraiu a doença da patroa

Publicidade

Publicidade

A doméstica estava doente e continuou trabalhando, mas chegou a ficar em um estado que precisava urgentemente de atendimento. Tendo 63 anos, a idosa era integrante do grupo de risco.

Publicidade

A Prefeitura de Miguel Pereira divulgou que a doméstica havia dado entrada no Hospital Municipal Luiz Gonzaga. Por “já estar em estado grave“, a vítima foi internada imediatamente. A moça foi direto do trabalho para a unidade de saúde e chegou em um táxi. Contudo, não foi possível salvar sua vida.

Antes desse caso, o Ministério da Saúde confirmava a morte de uma pessoa, causada pelo novo coronavírus, em São Paulo. A vítima era um homem de 62 anos, com diabetes e hipertensão — ou seja, estava no grupo de risco.

O recomendado para quem adquirir sintomas do novo coronavírus é ficar em casa, a não ser que a situação piore. Febre, tosse e coriza são sinais normais do covid-19. O estado é considerado grave quando é identificada uma dificuldade respiratória. Assim o paciente deve ir imediatamente ao hospital.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por Bruno Avila

Redator de futebol, política e famosos desde 2016. Hoje um dos redatores mais lidos do 1News Brasil. Fique à vontade para falar comigo: brunoavilaprof@outlook.com