in

O dia em que Bonner pediu perdão ao vivo ao povo brasileiro

Veja

Nesta quarta-feira, 18 de março, o apresentador do Jornal Nacional, William Bonner, viveu uma noite atípica na TV Globo.  Por conta do avanço do coronavírus no Brasil e no mundo, o noticioso foi maior que o de costume, já que foi uma noite sem futebol. No entanto, o que o âncora e editor-chefe do principal noticiário do país passaria o surpreenderia. 

Publicidade

Isso porque William precisou pedir perdão ao vivo aos telespectadores. Tudo ocorreu motivado por uma reportagem sobre o papel do governo federal para combater o coronavírus. A doença já contagiou mais de 500 pessoas no Brasil, registrando seis mortes. E,m todo o planeta, já são mais de nove mil o número de mortes durante a pandemia. 

No link ao vivo do Jornal Nacional, acabou vazando um áudio de uma manifestante que estava em Brasília. Ele colocou uma música que faz referência ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, do Partido dos Trabalhadores. Tocou o “Lula lá”, deixando o comunicador extremamente sem graça e fazendo, mais uma vez, com que a Globo fosse acusada de ser a favor de políticas de esquerda. 

Publicidade

Veja abaixo o vídeo com o vazamento do áudio a favor de Lula no Jornal Nacional:

Publicidade

Bonner então se desculpou com os telespectadores. “Agora há pouco, durante a entrada ao vivo da repórter Giovanna Teles, de Brasília, um manifestante tocou uma música que geralmente é tocada em comícios do PT. O som foi captado involuntariamente pelo microfone da repórter enquanto ela relatava a reunião de Bolsonaro com Toffoli. Pedimos desculpas aos telespectadores”, disse ele sobre o tema.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.