in

Médica do 1º morto por coronavírus no Brasil toma coragem e faz alerta assustador

BBC

A médica que atendeu o primeiro paciente morto por coronavírus no Brasil tomou coragem e deu uma entrevista reveladora sobre a doença no Brasil. Carla Guerra, que trabalha como infectologista, confessa que ela e muitos médicos estão preocupados com o poder assustador dessa doença; e disse que os brasileiros devem reforças as medidas de proteção em casa, além de se cuidarem. 

Publicidade

A entrevista com Carla foi feita pela BBC Brasil, após ela ficar seis dias cuidando do primeiro brasileiro a morrer da doença no país. O homem tinha 62 anos e contraiu a doença no Brasil, ou seja, não viajou para a Itália ou outros países onde a doença já se proliferou com mais força.

O paciente tinha as características mais comuns entre os que falecem do problema. A maioria dos mortos é homem, mais velho e que tem doenças crônicas. No caso do brasileiro morto, ele tinha diabetes. O homem procurou o hospital, assim que os sintomas dele pioraram. A morte ocorreu nesta segunda-feira, mas foi confirmada por Covid-19 apenas nesta terça-feira, 17 de março.

Publicidade

“Apesar de não termos o resultado antes, considerávamos o caso dele suspeito para o novo coronavírus desde que ele deu entrada no hospital”, disse a médica, que na sequência fez o alerta para que todos fiquem em casa. 

Publicidade

A gravidade da doença é tão grande que o corpo do homem não será levado ao Instituto Médico Legal (IML). O objetivo é evitar que mais pessoas possam acabar contraindo o problema. No Brasi, já são quase 300 casos confirmados e mais de oito mil suspeitos.

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.