in

Sônia Abrão se revolta com trans abraçada e diz o que muitos queriam, mas não tinham coragem

RedeTV/ Globo

Pegou mal uma matéria do Fantástico exibida na semana passada sobre como vivem as trans nos presídios brasileiros. Na semana passada, a Globo mostrou o momento em que o médico Drauzio Varella, que encabeça a série, pergunta à uma das presas, Susy, há quanto tempo ela não recebia nenhuma visita no presídio. 

Publicidade

A presa então diz que há oito anos ninguém vai até ao local vê-la e recebe um caloroso abraço do médico, que a conforta. Na noite de exibição da matéria, internautas se comoveram e chegaram a criar vaquinhas e mutirões de cartas, que mais tarde seriam enviadas para a presa. No entanto, neste domingo, 8 de março, tudo mudou. 

A presa, segundo diversos sites, teria ido parar atrás das grades depois de abusar e matar um menino de 9 anos. Quem se revoltou com a revelação foi a apresentadora Sônia Abrão. Durante o programa A Tarde é Sua, da RedeTV1, Sônia chegou a dar tapete vermelho para a reportagem. Na internet, após a reviravolta do contexto, a comunicadora ficou possessa. 

Publicidade

Veja abaixo a publicação feita pela apresentadora Sônia Abrão, em que ela detona a reportagens da trans que foi abraçada pelo médico do Fantástico. 

Publicidade

Publicidade

“Mas o público acabou sendo induzido a erro por não saber a verdade, a ponto de se comover com a solidão de um assassino e se mobilizar para abraçar e cobrir de carinho um pedófilo. Por não querer saber o delito, faltou transparência ao que foi levado ao ar! E eu, que tinha dado tapete vermelho para a reportagem, retiro agora!”, disse a apresentadora, que falou o que muitos queriam, mas não tinham coragens.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Escrito por FERNANDO B

As melhores notícias você encontra por aqui. Conheça essas e outras histórias.